Como realizar a gestão de pessoas no terceiro setor?

Tudo O Que Voce Precisa Saber Sobre Gestao De Pessoas No Terceiro Setor Post (1) - Quero montar uma empresa

Tudo o que você precisa saber sobre gestão de pessoas no terceiro setor

Uma boa gestão de pessoas em organizações do terceiro setor pode motivar todo o grupo a alcançar aquele a mais!

No terceiro setor tudo funciona como qualquer empresa, pois, são os funcionários que estão tornando sua visão uma realidade e seu trabalho é garantir que eles o façam com eficiência.

Mas uma gestão de pessoas eficaz é mais do que apenas fazer com que todos ao redor trabalhem mais ou com mais eficiência.

Não existe um estilo de gestão de pessoas “certo”, já que cada colaborador terá uma perspectiva individual, principalmente quando falamos de terceiro setor.

Entre as principais dicas de gestão de pessoas para o terceiro setor, podemos destacar:

  • Seja consistente;
  • Concentre-se na clareza;
  • Trabalhe em equipe;
  • Recompense;
  • Seja o exemplo;
  • Seja transparente;
  • Incentive as opiniões e idéias;
  • Ouça a todos.

Abaixo, abordaremos cada um dos aspectos de uma boa gestão de pessoas.

1. Seja consistente

Esta é a primeira regra porque se aplica à maioria das outras. 

Antes que sua abordagem de gestão de pessoas possa ser eficaz, ela deve ser consistente. 

Você deve recompensar os mesmos comportamentos sempre que eles aparecem, desencorajar os mesmos comportamentos quando eles aparecem e tratar todos os membros de sua equipe com uma visão igualitária e equilibrada.

2. Concentre-se na clareza

A maneira como você se comunica com sua equipe pode determinar seu sucesso. 

Ao transmitir instruções, recapitular reuniões ou apenas distribuir atualizações do grupo, busque a clareza, a precisão e a eficácia de sua comunicação. gestão de pessoas

Isso vale para qualquer outro meio, seja comunicação pessoal, e-mail ou telefonema. 

Clareza, precisão e meticulosidade são as melhores formas para se evitar alguma falha na comunicação, mantendo, assim, o grupo na mesma sintonia.

3. Estabeleça a meta de trabalhar em equipe

Se você quiser que os membros da equipe trabalhem juntos, peça-lhes que trabalhem juntos por algo. 

Definir metas apenas para o grupo ou para um indivíduo gera uma mentalidade limitada e força os membros da equipe a permanecer isolados. Em vez disso, dê aos colaboradores um foco e um propósito unificados, para inspirá-los juntos.

4. Recompense e reconheça publicamente o trabalho árduo

Quando um membro da equipe fizer algo excepcional, recompense-o, um pequeno troféu ou até mesmo apenas um reconhecimento vocal. 

Faça isso na frente do grupo, isso fará com que o destinatário pretendido se sinta bem e mostrará ao resto da equipe que o trabalho árduo é recompensado. 

A única ressalva volta à regra um: seja consistente em suas recompensas para que alguém específico não seja visto como favorito.

5. Seja o exemplo

Como parte da gestão de pessoas, você deve dar o exemplo em termos de comportamento. Se você chegar tarde, sua equipe será menos pontual. 

Se você perder a paciência facilmente, os outros não se esforçam em manter suas emoções sob controle. Esforce-se para ser o seu ideal de colaborador perfeito, especialmente na frente da equipe.

6. Permaneça o mais transparente possível

A transparência revela seu caráter como parte da gestão de pessoas e gera empatia e solidez com os colaboradores do grupo. Se você mentir sobre algo ou omitir informações, poderá prejudicar seus relacionamentos e o respeito que merece na organização.

7. Incentive todas as opiniões e idéias

Quanto mais colaboradores você tiver participando ativamente das discussões e tentando fazer melhorias na organização, melhor. 

Nunca aplique algum castigo a algum membro da equipe por emitir sua opinião com respeito, mesmo que isso vá contra a visão original ou não seja bem pensado. 

Não liberar algum colaborador a expressar sua opinião pode gerar ressentimentos e desencorajar as pessoas de compartilhar suas próprias opiniões.

8. Sempre ouça e faça perguntas.

Se algum colaborador não compartilha com sua visão de gestão de pessoas ou simplesmente não gosta da forma como a organização está indo, nunca deixe essa pessoa de lado. Ouça. E faça sempre perguntas a toda a equipe: 

  • O que você acha disso? 
  • Como você se sente sobre isso? 

Essa forma de conversa franca tende a facilitar uma identificação proativa de problemas e o trabalho conjunto que possibilita a criação de um ambiente benéfico de forma mútua. 

Isso faz também com que os colaboradores da organização do terceiro setor se sintam valorizados e reconhecidos.

Conte sempre com quem vai ajudar! 

Para ter uma melhor gestão e uma boa assertividade, o suporte necessário é indispensável, e saiba que você pode contar conosco.

Somos uma contabilidade totalmente especializada para o terceiro setor e preparada para dar todo o suporte que você precisa. 

Fonte: Gestão Terceiro Setor

Você pode gostar também

Categorias

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu
Recomendado
Entenda como a responsabilidade social empresarial pode beneficiar organizações do…